O site do Bubishi já alertava o ano passado a comunidade marcial pernambucana sobre a triste realidade do karatê « oficial » no nosso estado, apresentando no mês de junho  de 2009 os resultados da seleção Pernambucana no Campeonato Brasileiro Mirim, infanto Juvenil e Juvenil que foi então organizado no estado da Bahia.

Durante o evento a seleção Pernambucana não classificou atleta sequer e , se não fosse o resultado inesperadamente excepcional da categoria « Novos Talentos » teria voltado com um quadro zerado de medalha ( vide matéria http://bubishi2009.wordpress.com/2009/06/18/fpk-em-crise-4-analyse-de-um-desastre/ ) .

Respondendo através de suporte de comunicação “oficial”, a diretoria da entidade só ressaltou a seleção pernambucana nunca ter sido tão bem treinada, tão fisicamente e tecnicamente superior graças à um programe físico cientificamente planejado e executado, ignorando de tal maneira os fatos no entanto comprovados e deplorando uma campanha de destabilização organizada pelo nosso site.

Um ano depois temos de novo a tristeza de conferir resultados do mesmo teor, ou seja, um deplorável ultimo lugar da seleção Pernambucana no quadro de medalhas na edição do Campeonato Brasileiro Mirim, Infantil e Infantil Juvenil 2010 que foi organizado esses últimos dias (16-18 /04) em Maceió.

Deixamos nossos leitores avaliar esses resultados ( http://www.scribd.com/full/30350898?access_key=key-19n2psu2nv2ufdqigd2 ) mas desde já podemos afirmar que mais uma vez esse balanço comprova nitidamente, a pesar do reiterado brilho da seleção « Novos Talentos », que alguma coisa não funciona nessa seleção bem como na maneira de treinar e administrar-la, desfuncionamentos inesperados que já foram evidenciados durante a ultima Copa Lúcio Beltrão, organizada no dia 21 de Março de 2010 na quadra da Faculdade Mauricio de Nassau em Recife, competição reunindo apenas 90 participantes, com árbitros deixando suas respetivas areias de atuação para abandonar o evento enquanto o mesmo nem tinha sido encerrado, juizes improvisados com graduações coloridas e muita satisfação expressada nos bastidores e publicamente.

O que esta acontecendo e como devemos encarrar os próximos Campeonatos Brasileiros Adultos da CBK que devem ser organizado no Recife esse ano? Não teria chegado o tempo de chamar a união do karatê pernambucano, união tão desejada pela redação desse site e pelos seus seguidores, mas união obviamente  condicionada para ser celada a uma reformulação categórica e definitiva de certa politica e administração ubuesco ainda mantida…

Precisamos sim de renovação total e absoluta para Pernambuco não passar mais vergonha no mundo do karatê, enquanto que em outras entidades nosso estado brilha como sempre brilhou…

Anúncios